10 thoughts on “Paranóia

  1. Lembrou Leminsky.

    =]

    O bom é que a loucura e a normalidade não existem, são apenas conceitos que se colocam por oposição.

    E se todos fôssemos poetas, quem seria louco?

    Abraço!

    Gostar

  2. ah! falta pra te chamarem de poeta?
    aposto que a galera já chama, hein!

    😉

    (o comentário acima ignora a existência de eu lírico, uahauahua)

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s