Livros

Lucão tem quatro livros publicados, três de poesia e um romance. Em 2015 publicou seu primeiro livro “É cada coisa que escrevo só pra dizer que te amo”. Em 2016 publicou o “Telegramas”, todos pela editora Somos Educação (Saraiva). No começo de 2018, em parceria com o calígrafo e escritor Fabio Maca, publicou seu terceiro livro, o “Dois Avessos”, numa tiragem limitada, independente. Em julho de 2018 estreou no gênero romance com o “Amores ao Sol”, uma ficção baseada em uma história real vivida no místico Caminho de Santiago de Compostela, na Espanha. Esse último também foi sua estreia na ed. Planeta.

É cada coisa que escrevo

“É cada coisa que escrevo só pra dizer que te amo”
No livro É cada coisa que escrevo só pra dizer que te amo, da editora Saraiva, Lucão, consegue misturar perfeitamente sentimentos intensos como amor e saudade para dar explicações perfeitas para o coração. O autor escreve e m poesia os sentimentos que muitas pessoas não conseguem escrever ou falar em língua alguma. Em É cada coisa que escrevo só pra dizer que te amo, ele traz versos inéditos e faz uma compilação das melhores frases e poemas que publicou em seu blog – Abra o bico – ao longo de 10 anos. Nestas páginas há muitas facetas do poeta que nunca recusa um grande amor.

Telegramas

“Telegramas”
Um telegrama, por menor que seja, é portador das mais importantes notícias – sejam elas alegres ou tristes. Assim como os telegramas são os poemas: mesmo quando pequenos, são capazes de despertar os sentimentos mais profundos em quem os lê. Em Telegramas, Lucão fala sobre amor, saudade, poesia e autoconhecimento, sempre com sensibilidade e delicadeza ímpares.

18D05C003 ok

“Dois Avessos”
Lucão faz poesia à moda antiga, com palavras. Maca, por sua vez, faz da caligrafia sua poesia. Felizmente os caminhos dos dois artistas se cruzaram, e nesse encontro o poeta descobriu que o calígrafo, além de desenhar palavras, também as ordena em poemas, só que os mantêm bem guardados – para não dizer escondidos. Foi só quando Lucão pôde finalmente abrir o baú de poesias secretas de Maca que os dois avessos se reconheceram. Lucão manifesta o amor com leveza, quase grita sua certeza; Maca ainda tem algumas dúvidas, fala baixinho com medo de ser ouvido. Um é o avesso do outro, mas ambos compartilham da mesma paixão quando decidem juntar palavras e transformá-las em arte. Dois avessos, mais do que um livro de poesia, é uma celebração do amor, dos encontros e das diferenças. Um livro para ser lido de um lado, do avesso e dos dois.

amores ao sol_05

“Amores ao Sol”
Em seu primeiro e emocionante romance, Lucão narra a trajetória de Luca, Rodrigo e Sol por meio de suas próprias experiências percorrendo o Caminho de Santiago Logo no primeiro dia percorrendo o Caminho de Santiago, Luca esbarra com a tristeza de Rodrigo, um peregrino brasileiro que procura desesperadamente por Sol, um amor que nasceu e se perdeu durante a jornada. Sem ter muito claro para si o motivo que o levou a Espanha, Luca mergulha no drama do conterrâneo e acaba por se perder ao viver um Caminho cheio de medos, dúvidas e encontros inesperados entre o passado e o presente.

Seria o amor o único caminho para se chegar a Santiago de Compostela?