Um coração que escorre é tão bonito

Um coração que escorre é tão bonito

Eu não entendo frases soltas que não fazem sentido. A não ser a poesia.

Por vezes, leio frases por aí, como quem pega uma flor do chão, e algumas dessas frases, ao contrário das flores, não fazem sentido. Fico desentendido com frases sem cor. Assim como fico desentendido com o fim de um poema ou com o término de um amor. Só que frases soltas, e sem sentido, eu não entendo.

N’outro dia li que o amor só cabe em corações grandes. Fiquei transtornado. Que eu conheço uma pessoa bem pequena, de um coração igualmente menor, mas que cabe tanto amor… Um coração pequenininho, que até escorre das mãos.

“Um coração que escorre”, acho isso tão bonito. O outono tem um pouco disso, uma estação que escorre das árvores, e que a gente passa sobre ela, como se fosse um coração escorrido. O coração dessa minha amiga é esse outono também.

E o amor não tem tamanho pra caber ou não caber no coração. Todo coração tem o tamanho suficiente para receber amor. Que o amor não fica dentro.

O que o amor faz com o coração é passar sobre ele, como a gente passa sobre o outono que escorre sobre os nossos caminhos. 

Close
Compare
Wishlist 0
Open Wishlist Page Continue Shopping